Linhas de Pesquisa

A AEDB ao longo dos anos, aprimora suas ações no sentido de cada vez mais firmar sua determinação de formar mentalidades investigativas, que envolvam toda a comunidade acadêmica e possam influenciar com ações, com exemplos, ou mesmo, com parcerias todo seu entorno.

Como mecanismo principal, vem desde 1998, através do Centro de Pesquisa Pós – Graduação e Extensão (CPGE), procurando de uma maneira persistente desenvolver articulação entre pesquisa, ensino e extensão.

Partindo do ensino das disciplinas e dos projetos de estudo que integram a estrutura curricular de seus cursos, notadamente, aquelas geradoras de trabalhos finais (Monografias e TCC), estuda as tendências que movem num determinado tempo as produções discentes e docentes, para através do conjunto de temas específicos, fazer surgir as Linhas de Pesquisa que por sua vez, constituem as Áreas de Concentração que passam a direcionar os esforços de integração entre cursos e atividades.

Desta preocupação surgem programas, projetos, eventos e ações diversas que no somatório delineiam o perfil de instituição inquieta no sentido de inserir-se no seu tempo e no seu espaço, e ao mesmo tempo, firmando em cada ação os princípios e valores que nortearam há 50 anos seu fundador e idealizador Prof. Antonio Esteves.

As Linhas de Pesquisa da AEDB representam produto dos esforços desenvolvidos nos diferentes cursos da AEDB, com vistas à criar elos entre saberes que emanam dos aprofundamentos de estudos, das atividades e das vivências em sala de aula, enriquecidas pela relação professor/aluno, gerando tendências baseadas em arcabouços teóricos que fundamentam os trabalhos discentes orientados por docentes, ou mesmo, a produção docente.

Algumas tendências vem se formando ao longo dos anos e aos poucos consolidam o que denominamos de “Linhas de Pesquisa”. É um trabalho moroso, consciencioso e surge de início como rol de atividades e projetos, para em seguida, na continuidade marcar uma linha na busca da produção e do desvendamento de novos saberes.

Os quadros que são apresentados a seguir constituem as tendências que na continuidade, na persistência e aprofundamento dos estudos poderão vir a se consolidar em “Linhas de Pesquisa”, duradouras ou não, dependendo das respostas aos achados, dos impactos e da consistência com que se firmarão.

Quadros de tendências em busca de consolidação de Linhas de Pesquisa, por institucional da AEDB.

 

Faculdade de Ciências Econômica, Administrativa e da Computação Dom Bosco e Faculdade de Engenharia de Resende

 

ÁREA DE CONCENTRAÇÃO LINHAS DE PESQUISA PROJETOS EM ANDAMENTO
GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DE ORGANIZAÇÃO(ADM, ECONOMIA, CONTAB, RH, COMUNI, GEST. PUBL, LOG*, SI* / TI*)
  • Ensino gerencial

 

  • Desenvolvimento de competências
  • Metodologias ativas
  • Ensino acadêmico
  • Sustentabilidade
  • Responsabilidade social
  • Meio ambiente
  • acessibilidade
  • Gestão de gente
  • Finanças
DESENVOLVIMENTO SÓCIO ECONÔMICO
  • Comportamento do Consumidor
  • Economia Solidária
  • Agronegócios
  • Empreendedorismo
  • Análise Macroeconômica
  • Reestruturação da área física da Santa Casa de Misericórdia de Resende, incluindo aspectos financeiros e econômicos;
  • Estudo da Família no Município de Resende e o seu Consumo Familiar;
  • DiagnósticoSócio-EconômicoAmbientalda APA da SerrinhadoAlambariesuas comunidades de Serrinha e Capelinha.
GESTÃO DA PRODUÇÃO E OPERAÇÕES
  •  Planejamento e Controle da Produção
  •  Gestão da Qualidade Total
  •  Desenvolvimento de Produtos e Processos
  •   Tecnologia da Produção
  •  Construção sustentável
  •  Sistemas estruturais
  •  Sistemas hidrossanitário
  •  Sistemas mecânicos
  • Processo decisório na identificação do sistema de desenvolvimento e produção de veículos especiais;
  • Reestruturação do fluxo de desenvolvimento de novos produtos na indústria automotiva;
  • Método de avaliação técnico-econômica do processo de soldagem;
  • Sistemas de iluminaçãoporleds.
GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DAS ORGANIZAÇÕES
  • Competitividade Industrial
  • Empreendedorismo
  • Logística Empresarial
  • Finanças e Custos
  • Gerenciamento de Riscos OperacionaisnoPóloIndustrialde Resende;
  • Empreendedorismo voltado para a Micro e Pequena Empresa do Sul Fluminense;
  • Incentivos fiscais para a instalação de novas EmpresasnoPóloIndustrialde Resende e cidades adjacentes: Projeto de desenvolvimento do cinturão de novos fornecedores;
  • Precificação de produtos e serviços de fornecedores daMANLatinAmérica.
TECNOLOGIA DA ENGENHARIA ELÉTRICA/ ELETRÔNICA, AUTOMAÇÃO E CONTROLE.
  • Controle Ambiental
  • Eficiência Energética
  • Automação Industrial
  • Controle Industrial
  • Robótica
  • Formação Tecnológica
  • Inclusão Social
  • Distribuição Eficiente de Energia Elétrica a partir da captação de Energia Solar;
  • Plano de Contingência de uma subestação de alta tensão 138kV / 25kV;
  • Monitoramento do Fator de Potência considerando as Distorções Harmônicas;
  • Sistema de Automação Didático;
  • Sistema de Telemetria com Condicionamento de Sinal para Testes Veiculares Utilizando oPadrãoZigbee;
  • Detecção de Falha de Montagem de Motores Automotivos por Processamento de Imagem;
  • Sistema para Monitoramento Remoto de Descargas Atmosféricas;
  • Proteção de Motores Elétricos Síncronos comRelésMicrocontrolado;
  • Controlador para Plantas Desconhecidas Utilizando LógicaFuzzy;
  • Robô Autônomo para Campeonato de Sumo;
  • Modelagem e Controle de Máquinas Elétricas UtilizandooMatlabeMicrocontroladorPIC.
TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO
  • Mídias Sociais
  • Engenharia de Sistemas
  • Inovação Tecnológica
  • Sistemas para a Internet
  • Tecnologia de Banco de Dados
  • Tecnologias de Segurança da Informação
  • Nota Fiscal Eletrônica;
  • i-MailMarketing– Sistema de Gerenciamento de Campanhas e Informativos;
  • Controle de Ordens de Serviço para Empresas do Setor de Água e Esgoto
  • Shopping Virtual
  • AEDBit– Sistema de Acesso do Acervo da Biblioteca da AEDB via TV Digital
  • SisProLaudo– Saúde sem Fronteiras – Sistema para Laudos Eletrônicos
  • AccessFlowCLSW– Módulo de Controle de Licença de SW
  • Sistema de Controle de Cartório
  • RTLS – RealTimeLocationSystem
  • PAC Sistemas e Soluções – Projeto de Administração de Condomínios
CIÊNCIAS CONTÁBEIS
  • Matemática e suas aplicações
  • Estatística
  • Modelagem matemática
  • AderênciaàsnecessidadesdaSEAC, SEGET, SIMPED e externos
  • Inserção de língua inglesa no dia do discente
  • (Auto) motivação
  • Ferramentas e métodos
  • Aplicações

 

***

 

Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras Dom Bosco - Curso de Pedagogia e Letras

ÁREA DE CONCENTRAÇÃO LINHAS DE PESQUISA PROJETOS EM ANDAMENTO ÁREA DE CONCENTRAÇÃO
DIMENSÕES SÓCIO-HISTÓRICAS E CULTURAIS DA EDUCAÇÃO E DA SOCIEDADE.  Educação Cultura e Sociedade
  • Conhecimento, sociedade e currículos.
  • Linguagens e artes
  • Formação de Professores e Valores Humanos
  • Saúde humana
  • Gestão e Ed. Ambiental
  • Conservação da biodiversidade

 

  •  Estudo de Egresso e Impactos na AEDB. Cultura, Juventude e Extensão Universitária
  •  Escola faz História
  •  Normalização
  •  Educação Continuada
Gestão e Políticas Públicas
  • Gestão em Sistemas Educacionais e Políticas Públicas
  • Grupo de Estudo Políticas Publicas

POLI-ED

Diversidade e Cultura

 

***

Ciências Biológicas

ÁREA DE CONCENTRAÇÃO LINHAS DE PESQUISA
SAÚDE HUMANA
  • Parasitologia
  • Microbiologia
  • Fisiologia
  • Imunologia/Infectologia
  • Saúde pública
GESTÃO E EDUCAÇÃO AMBIENTAL
  • Responsabilidade social e ambiental das empresas
  • Sistema de gestão ambiental nas empresas
  • Mineralogia
  • Poderpúblicoe Meio Ambiente
  • Poluição do ar, água, solo e radioativa
  • Legislação ambiental (direito do ambiente)
  • Ecologia humana e social
  • Planejamento e duração das cidades
  • Planos diretores e Meio Ambiente
  • Problemas ambientais regionais
  • Economia do Meio Ambiente
  • Engenharia de Biossistemas
CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE
  • Taxonomia e biodiversidade (Quimitotaxonomia, Genética de populações e comunidades
  • Etnoconhecimento(comunidades tradicionais)
  • Biologia da conservação
  • Uso público e visitação em Unidades de Conservação
  • Ensaiosbiosestátisticos